segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Do mal acostumada


Sem rodeios, sou capaz de dizer que não faço nada em casa. Rigorosamente nada. Não faço a minha cama, não limpo o quarto, não cozinho, raramente ponho a mesa, dou de comer à minha coelha quando a minha mãe me lembra. Arrumo a minha roupa uma vez por semana e só me dou ao trabalho de engomar quando quero realmente vestir aquela peça de roupa. Tudo isto acontece ou não acontece (depende da perspectiva) em minha casa, mas, por exemplo, quando fui de férias com os meu amigos, fazia tudo. Porquê? Porque não havia mais ninguém para fazer e os que haviam tinham que ser supervisionados para eu ter a certeza de que tudo ficava bem feito. Estas coisas são a prova viva de que quando tiver a minha casa vou ser uma pessoa organizada e arrumada, em vez de ser uma preguiçosa como agora. Sou má em ser assim? Talvez, mas isto também acontece porque não preciso de fazer, nunca me obrigaram, há sempre alguém que faz. A mãe.

4 comentários:

Eli disse...

Eu sou exactamente como tu. :D

Ice Cream disse...

"os que haviam tinham que ser supervisionados para eu ter a certeza de que tudo ficava bem feito." Até parece que não te ensinei umas coisinhas :O
Malvada ;P
Eu só faço quando os meus pais estão fora(:

Lady C disse...

Oh Ice Cream, é óbvio que não estava a falar das meninas!

Ice Cream disse...

Os meninos não faziam nada, nem bem nem mal... simplesmente ficavam a ver :P