quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Estava eu


Na Starbucks, já desolada por não estar lá o empregado bonitão quando me pus a apreciar um momento entre dois namorados, ela a olhar para ele embevecida e ele muito concentrado a escrever coisas e mais coisas num dos copos de papel. Estava eu a achar o gesto dele muito querido quando me apercebo que ele era o empregado bonito, mas sem avental. Fiquei decepcionada por saber que ele era comprometido, andava a sonhar com o dia em que ele ia escrever o seu número de telemóvel na minha bebida. Mas pronto, até pode ter namorada, mas não deixa de ser bonito. E fofinho, muito fofinho.

7 comentários:

Raspberry disse...

Os meus pêsames! ODEIO quando isso me acontece.

Tânia Gil disse...

Ai isso não é nada agradável.. mas pronto ele pode deixar de ter namorada, assim subitamente e nesse momento lá estarás tu a fazer o teu pedido xD

Danii disse...

É verdade :D

*E.Hanna33* disse...

isso e muito mau quando acontece -.-´

Sofia disse...

Lol, calma porque o que hoje é verdade amanhã pode não ser :-)
Beijinhos,
Sofia

Susana disse...

Ri-me! Lembra-me aqueles textos 100% femininos (no melhor dos sentidos) com que todas as raparigas se podem identificar

Rita disse...

Com empregados bonitões ou não, eu queria era uma Starbucks aqui no Porto!