quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Adoro

A liberdade de chegar a casa e apanhar o cabelo. Não só porque fico mais à vontade mas também porque só o posso fazer em certos dias, naqueles em que ele vai ser lavado. Que isto a menina, quer ter o cabelo perfeitinho e sem marcas de elásticos nos outros dias também.

1 comentário:

susana disse...

Cá para mim, prefiro acreditar que essa coisa da realidade é um frasco cheio de sorte, com um cheirinho de sonhos. Nem sempre pode estar cheio, mas é para isso que serve a magia: para acreditar no inacreditável e encher o frasco - ainda que existam dias menos bons ;)