sexta-feira, 18 de março de 2011

É por isto

Que me dou tão bem com os namorados das minhas amigas e não me dou, de todo, com as namoradas dos meus amigos. As minhas amigas conhecem-me, as outras não. Umas sabem como sou, as outras não. Umas sabem aquilo que sou capaz de [nunca] fazer, as outras não fazem a mínima ideia. Umas sabem daquilo que sou feita, as outras imaginam. Mas nem se quer chegam lá perto...

3 comentários:

Tânia Gil disse...

Também não me costumo dar muito bem com as namoradas dos meus amigos.

R. disse...

muito bem dito, há muitas pessoas que deviam ler esta tua wake up call! adorei a frase da imagem!

http://godsavethefashionblog.blogspot.com/

susana disse...

É, às vezes acontece-me isso, e o iverso também. Mas afinal, não se pode gostar de toda a gente nem conhecer o mundo inteiro como os amigos sempre conheceram. É preciso abrir horizontes, tem dias. Mas gostei ;)